NORMAS DE SEGURANÇA

1) Sempre que sair de casa, verifique se os aparelhos de queima ficam apagados e com as torneiras fechadas. Confirme também se o regulador fica fechado (manípulo na horizontal). 

2) Não utilize tubos de borracha natural. Os gases de petróleo (butano e propano) danificam-nos. Use sempre tubos  de uma borracha especial (NP-1 038) que deve adquirir no seu revendedor, 

3) Os tubos terão de ser apertados com abraçadeiras. De tempos a tempos, e quando o tubo acusar envelhecimento visível, deverá substitui-lo. 

4) Quando colocar líquidos a ferver, não permita que se derramem e apaguem a chama, evitando, assim, que o gás saia livremente pelo queimador sem arder. 

5) O redutor deve ser sempre manuseado correcta e cuidadosamente. Recomendamos a sua substituição após 5 a 7 anos de utilização. A data de fabrico está inscrita no corpo do redutor. Por exemplo: 0772 significa fabricado em Julho (07) de 1972 (72). 

6) Para acender aparelhos de queima comece sempre pelo fósforo ou acendedor, Acenda-o antes de abrir a torneira. 

7) Use sempre aparelhos aprovados e recorra sempre aos serviços de técnicos credenciados para a sua instalação. 

8) Mande verificar regularmente os seus aparelhos de queima a pessoal habilitado, de modo a trabalharem em 
perfeitas condições
.

9) Leia sempre as instruções de funcionamento e segurança dos seus aparelhos antes de usá-los.

Como utilizar o Redutor

Fig. 1 "Zero": Patilha virada para baixo. O redutor pode ser posto ou retirado da garrafa; não sai gás da garrafa. 

Fig. 2 - "Neutro": Patilha virada para a esquerda. O redutor fica ligado à garrafa; não sai gás da garrafa. 

Fig. 3 - "Ligado": Patilha virada para cima. A válvula fica aberta; sai gás da garrafa.

 

O que fazer em caso de fugas

Todo o equipamento foi estudado, desenvolvido e fabricado para evitar a ocorrência de fugas de gás. Mas, se por qualquer razão, notar cheiro a gás, proceda calmamente do seguinte modo: 

1 ) Feche o redutor e as torneiras da aparelhagem de queima

2) Apague todas as chamas nas proximidades: fósforos, cigarros, isqueiros, acendedores, velas, etc, 

3) Areje a casa o mais possível. Provoque mesmo correntes de ar. 

4) Não ligue ou desligue interruptores ou aparelhagem ou eléctrica. 

5) Desligue o quadro eléctrico, caso este se situe fora do aposento onde se deu a fuga. 

6) Se possível, retire a garrafa para local arejado (varanda, quintal, etc). 

7) Se o cheiro a gás não desaparecer, coloque a garrafa ao ar livre e comunique imediatamente com o seu revendedor ESSO ou chame os Bombeiros. 

8) Se a fuga de gás se inflamar, tape imediatamente o local da fuga com um pano humedecido em água e actue como no parágrafo anterior. 

9) Nunca procure fugas com chamas! Deve usar-se espuma de sabão.

 

Utilização diária

 

A garrafa deve ser mantida de pé e 
com a válvula de segurança desimpedida

Em Em caso de dificuldade contacte sempre o seu revendedor. 

O gás em garrafa (butano e propano) é um combustível muito eficiente e facilmente transportável. 

Se usado correctamente, é uma forma de energia segura e conveniente. Se usado defeituosamente pode causar acidentes. 

Por favor, leia estas recomendações que contêm regras simples para o ajudar a usar o gás com segurança

Tome atenção!